“Diário de uma paixão” de Nicholas Sparks

“É um daqueles livros românticos melosos?”. Foi a primeira coisa que me perguntaram quando eu disse que estava lendo Diário de uma paixão. Dependendo do conceito de “livro romântico meloso” dessa pessoa, talvez ele seja realmente.
Talvez seja pela minha insistência em acreditar que o amor verdadeiro e o cavalheirismo existem que me fizeram apaixonar por Noah, talvez tenha sido apenas a necessidade adolescente que todas têm de encontrar seu amor, mas esse livro me tocou de uma forma que nenhum outro tinha até hoje. Se bem que cada livro que eu leio me toca de um forma diferente, me surpreende ao me fazer sentir de uma maneira única e é por isso que eu continuo lendo e me apaixonando pela leitura.
Entretanto, a questão não é essa. O livro fala sobre Noah e Allie que nas entrelinhas da vida se encontram e se amam. Tem um final feliz? Não necessariamente, mas eu não consegui ficar triste ao acabar de ler, as palavras que ele disse a ela, as cartas, foi isso que eu guardei ao final do livro e as minhas lágrimas na última página do mesmo foi de encantamento por aquele casal que tanto se amava.
Talvez eu seja uma romântica incorrigível (e eu uso esse termo por causa de um outro livro que eu li), mas Diário de uma paixão é um livro que eu recomendo para quem gosta de se apaixonar lendo, se apaixonar pelo livro, pelo personagem, pelo autor, por si próprio.
E, realmente eu sonhe demais, mas eu desejo um Noah para cada uma de nós.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: