A festa do adeus

Eu estava prestes a me mudar, bom, me mudar por um ano, ia fazer intercâmbio e quando voltasse o terceiro ano já teria acabado e a turma já teria se desconstituido. Sempre fui muito emotiva, portanto vinha derramando lágrimas há 3 meses, e hoje era minha despedida, a festa que deixaria claro que eu iria passar um bom tempo longe de todos que eu amava, a festa que colocaria à tona a dúvida se eu devo ir mesmo ou não, mas não tinha como mudar de idéia, não podia acabar com meu sonho tão perto de realizá-lo. Me arrumei, fui ajeitar os últimos detalhes e esperar os convidados, que para dizer a verdade chegaram muito mais cedo do que eu pensava, lotaram o salão, e no meio da noite, achei que seria hora de fazer um discurso, mesmo não sendo muito boa nisso, peguei o microfone e, para meu espanto, me deram atenção sem nem mesmo eu pedi. Falei tudo que queria, falei de todo amor que eu sentia, mas disse que estava indo atraz do meu sonho e que de qualquer forma eu voltaria, iria revê-los mesmo que demorasse um pouco. Então vi vários pares de olhos úmidos em minha direção e preferi calar.
Quando acabei, desci do local que estava, chorando e fui surpreendida quando ele apareceu chorando também, meu melhor amigo, aquele que está sempre apoiando mesmo com seu jeito marrento, ele me abraçou e me surpreendeu mais ainda:
– Vou sentir tua falta, eu te amo.
Quando eu ouvi sinceramente não acreditei, ele nunca tinha me dito isso, e eu percebia a dor dele por estar me dizendo isso só agora, quando eu estava indo embora. O abracei ainda mais forte dizendo que também o amava muito e sentiria imensamente sua falta. Mas achei importante dizer algo mais:
– Sabe, eu sempre esperei isso, você dizer que me amava, nunca acreditei que fosse dizer, mas tinha esperança. Você não sabe o quanto isso mudou, o quanto me deixou mais confiante e obviamente amada, mas não posso deixar de te dizer que da mesma forma que você teve oportunidade de dizer que me ama, talvez não tivesse, eu talvez tivesse ido embora e não ia saber disso, não ia saber que meu melhor amigo realmente me amava, então para de esconder isso, começa a dizer a quem tu amas, este fato, porque, como eu, elas podem estar a muito tempo esperando ouvir isso de você.
Nos abraçamos e quase não nos soltamos, mas eu tinha que ir, tinha que arrumar minha mala e acrescentar nela o amor que agora eu sabia que ele sentia.

Anúncios

2 Comentários (+adicionar seu?)

  1. jujuh
    jan 30, 2011 @ 00:16:25

    Preciso nem falar néh amiga ? tudo que vc postar aqui eu vou amar *-*

  2. IasminMendes
    jan 30, 2011 @ 00:16:56

    hahaha *-*

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: