Estranho vazio

Sozinha em casa, certo dia, em frente ao meu computador com uma imagem gigante do guitarrista do NX-zero, me veio uma sensação estranha, incômoda, algo que eu não conseguia colocar em palavras, uma dor que eu não sabia explicar. Eu estava apenas vasculhando a internet como todo dia, olhado alguns Orkuts como sempre, nada especial. Eu sentia um vazio, mas não era um vazio material, era uma necessidade, eu só precisava saber de que. Descobri que o que eu queria não era algo, era alguém, mas alguém que nunca iria retribuir à minha vontade, que talvez nem soubesse dessa vontade, mas alguém que eu queria perto de mim e que se encontrava ao lado de outra pessoa.
Lágrimas são inválidas, pois só quem sofre somos nós, mas naquele dia eu chorei, talvez por achar injusta a situação, a pessoa que eu queria não me queria, nem ao menos podia ser minha. E o vazio que eu sentia, vulgo amor não correspondido, com o passar do tempo percebemos que nada podemos fazer em relação a ele, se é com ela que está a felicidade dele é com ela que ele deve ficar. E nós? Nós, mesmo soltando lágrimas inconscientemente, continuamos nossa vida. Esquecer do mundo e esperar o fim do relacionamento alheio, só faz fortalecê-lo e você perde seu tempo.. Não concordo que isso é amor, mas obsessão, o mundo vai muito além do amor que você sente por um e do ódio que você sente pelo outro.
Erguer a cabeça e continuar a vida é provar para si mesmo que é forte e persistente na idéia de ser feliz, porque viver de suposições e espera não dá. Ah, e o meu vazio naquele dia? Entre uma lágrima e outra procurei outra imagem do Gee para o meu computador porque aquela estava muito antiga.

Anúncios

3 Comentários (+adicionar seu?)

  1. Daniela Pinto
    jun 27, 2010 @ 18:18:22

    quem sabe,sabe =*

  2. Martha Gonzaga
    jun 29, 2010 @ 00:51:31

    EITA! As pessoas vêm para a gente por “n” motivos. Você veio para todos nós como luz. Não sei porque mas suas sensações sempre me parecem familiares. Em alguns momentos as tais “danadinhas” remetem-se a situações que são tão minhas, inclusive, na intensidade.
    Tô sentindo que estou viciada neste blog com apenas 10 minutos de acesso.

  3. iasminmendes
    jul 13, 2010 @ 01:15:49

    Muito obrigada :*

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: